domingo, 15 de janeiro de 2017

SINDICATOS SE REÚNEM COM PREFEITURA DE EXTREMOZ PARA DISCUTIR PAGAMENTO DOS SALÁRIOS DE DEZEMBRO DE 2016.

VEJA VÍDEO DA FALA DO SINDAS/RN 

Na última sexta feira(13-01) participamos de uma reunião no Município de Extremoz-RN, para discutir com Prefeito como será feito o pagamento  do mês de dezembro e do incentivo adicional dos agentes.
A reunião foi marcada no Gabinete do Prefeito, e diferente de Caicó, o Prefeito se fez presente e deixou claro para todos que a dívida é dele e vai pagar.
Já nas primeiras falas da Gestão foi transparecida a  intenção de pagar os salários de dezembro e que isso só não já foi feito,  por causa dos problemas deixados por Klaus Rêgo (FPM zerado, não foram feitos lançamentos do IPTU 2017, foram descontados da conta da Prefeitura 6 meses de consignações dos empréstimos dos servidores, foi descontado valor significativo  de dívidas junto ao INSS etc).
O SINDAS/RN sugeriu algumas medidas para minimizar os danos dos servidores. Até que os salários sejam adimplidos, sugerimos a doção de um horário corrido por 90 dias, assim o servidor não precisará se deslocar 4 vezes ao dia e custear sua alimentação. Sugerimos também, que os servidores que estão totalmente impossibilitados de trabalhar não sejam penalizados.
Relembramos a Joaz, que apesar da confiança depositada nele, existe uma tolerância máxima de 2 meses pra ele organizar a casa, pois quando ele colocou seu nome nas urnas sabia que herdaria mais ônus do que bônus.
Diante de todos os problemas expostos transparentemente pela Gestão, ficou claro que a Prefeitura deve cerca de 4,5milhoes e só dispõe de pouco mais de 1,5milhões e desse total nem tudo pode ser pra salário
Todos os problemas ficaram claros para os sindicatos presentes (SINDAS/RN, SIDSAÚDE, SINDICATO DOS ENFERMEIROS E SINDICATO MUNICIPAL). Mas para ter mais clareza e os servidores verem com seus próprios olhos os extratos das contas, propomos uma reunião com todos os servidores e sindicatos na quinta feira 19-01.
Para pagar o salário de dezembro sem parcelamento, sugerimos que a Prefeitura de Extremoz faça um empréstimo bancário, junto a instituição onde paga a folha do Município. Sugerimos, ainda, que usem como argumento a possibilidade de mudarem de banco caso eles não facilitem.
Diante da proposta o Prefeito se comprometeu buscar o banco para avaliar a possibilidade de fazer um empréstimo.
Joaz assegurou que pagará o mês de janeiro até o dia 31, mas segundo ele não basta pagar a folha em dia, ele disse que pretende capitalizar a Prefeitura e numa situação de emergência ter recursos reservas para pagar uma folha.
Após a reunião, ficou acordado levar as propostas ao Prefeito e agendou-se uma reunião com os sindicatos para segunda feira 16-01 e outra para quinta feira 19-01, com todos os servidores da saúde e Sindicatos.
Esperamos que após a reunião de segunda entre Prefeitura, MP/RN, Judiciário e Sindicatos, na quinta feira tenhamos uma solução para o problema. 

Nenhum comentário: