quarta-feira, 25 de junho de 2014

ATENÇÃO AGENTES DE NATAL - GREVE DO TRANSPORTE PÚBLICO

Orientamos aos agentes de Natal que precisarem faltar ao trabalho por causa da greve dos ônibus, que comuniquem previamente ao chefe imediato.
Preocupados com a situação dos companheiros, solicitamos do CCZ que tivesse coerência na análise de cada caso, por que muitos agentes pegam até 2 ônibus para chegar ao trabalho, e poucos, residem nas imediações do PA ou tem transporte próprio.  
Fomos informados pelo CCZ que será avaliado cada caso de ausência ao trabalho, sob alegação da falta de transporte, e que o CCZ não tem o objetivo de prejudicar ninguém.
O SINDAS não será irresponsável de autorizar ou orientar que os agentes fiquem em casa, por que não somos o empregador dos agentes e nem tampouco podemos nos responsabilizar por possíveis faltas. 
Poucos agentes tem nos ligado cobrando que o que SINDAS determine que fiquem em casa, mas não seremos malucos de dar uma orientação que foge do nosso controle, além do mais, todos os supervisores sabem quem efetivamente se desloca pegando ônibus ou não, e reforçando o que o CCZ disse "  cada caso será avaliado".
Vamos ter bom censo companheiros, não se deve agir com oportunismo, porque os próprios colegas irão dizer aos supervisores que fulano e beltrano não pega ônibus, mas só pra não trabalhar usou a greve como desculpa.
O SINDAS tem a responsabilidade dar orientações com pé no chão, não damos orientação para agradar num primeiro momento e termos administrar o problema depois, causado pelas nossas orientações. 
Na direção passada foram dadas orientações por ex-diretores, que até hoje prejudicam os agentes, inclusive, existem  processos administrativos por abandono de emprego, por que alguns agentes faltaram mais de 60 dias por terem sido orientados pelo sindicato a ficar em casa por que não tinham recarga nos cartões de passagem e nem faziam a opção pelo dinheiro.

Nenhum comentário: