quarta-feira, 24 de abril de 2013

INFORMES AOS ACE TEMPORÁRIOS DE NATAL


Caros ACE temporários, sabemos da aflição de todos, em especial porque se aproxima o vencimento dos contratos, mas ainda não mantivemos contato ou marcamos outra reunião, porque não obtivemos o parecer do processo que visa obter um parecer sobre a permanência de todos.

No final da tarde desta quarta-feira, estivemos reunidos com Assessor Jurídico que dá suporte ao Gabinete da PGM e em seguida nos reunimos com Sr. Procurador Geral do Município, Dr. Carlos Castim.

Na conversa pedimos celeridade no parecer e abordamos todos os pontos favoráveis em manter os 134 temporários, bem como, pedimos a sua sensibilização em face de tratar-se de uma situação emergencial e porque Natal pode vivenciar uma epidemia com a saída dos 134 agentes.

Saímos da reunião muito confiantes, primeiro porque o Procurador garantiu que o interesse dele é ver a coisa andar e não atrapalhar. Em segundo lugar, o procurador garantiu que vai analisar o pleito do SINDAS e do Secretário de Saúde com a sensibilidade que o caso requer e que não se preocupasse, que se for possível, juridicamente o parecer será dado favoravelmente até sexta feita (26/04).

Já deixamos previamente acordado que dado o parecer será mantido contado com o SINDAS, após isso marcaremos uma reunião com todos os temporários, nem que para isso precisemos nos reunir no sábado. Aguardem mais notícias em breve.

Não podemos deixar de elogiar a postura do Sr. Secretário de Saúde, pois o mesmo cumpriu na íntegra o que acordou com o SINDAS. Isso pode ser facilmente observado no ofício enviado ao Procurador do Município de Natal, com o qual nos reunimos.
IMAGENS: Dir. Josenilson Vicente

OBS: Lamentamos porque ainda continua o disse-me-disse, principalmente por parte de alguns temporários que ficam em contato com quem se diz oposição ao SINDAS, mas na verdade faz oposição a toda categoria. 

Enquanto vergonhosamente perdem tempo falando dos que fazem alguma coisa pelos temporários, ocupamos nosso tempo com trabalho sério, mas que infelizmente incomoda os despeitados, desonestos e inimigos da categoria.

Nenhum comentário: