quinta-feira, 14 de novembro de 2013

PREFEITURA DEU RESPOSTA AOS SINDICATOS DE ACORDO COM DIA E HORÁRIO COMBINADO

Entendemos que graças a precipitação do SINDSAÚDE de ocupar a SEGELM, a resposta da Prefeitura não veio a contento. Quem paga pelas decisões precipitadas dos sindicatos é a categoria. Todas as datas e horários que a Prefeitura deu para dar respostas, vinha sendo cumpridas e hoje seria mais um dia. Quem achava que a resposta seria boa e ocupou a SEGELM para depois tirar dividendos políticos dizendo que só saiu a resposta por que ocuparam a SEGELM, agora se explique pra categoria sobre a proposta que foi dada.
Das resposta relacionadas ao que o SINDAS reivindicou para dar fim a greve, a única pauta que avançou, foi o auxílio alimentação dos ACS, onde a Prefeitura propõe alterar a lei do auxilio alimentação dos ACE, que o SINDAS conseguiu em 2010. 
Sobre a gratificação para ACE e ACS, a resposta dada a todos os sindicatos, foi de que se aguardará a conclusão do processo do SINDAS, que já tramita na SMS desde 2012.
Sobre o reajuste salarial, a prefeitura manteve a proposta de 8%, para janeiro de 2014, e antecipou a discussão da data base de 2014 de março para janeiro/2014.
Sobre o quinquênio a Prefeitura disse que aguardará a decisão judicial no processo que o SINDAS abriu, pois já tem entendimento contrário a contar o tempo celetista.
Não foi dado resposta quanto ao abono das faltas sem a compensação dos dias parados, o que nos preocupa.

Um comentário:

Anônimo disse...

esta na hora de ser unificada e lutarmos so,pois queremos somar e subtrair ,eo resto da pauta se fala sobre tudo menos sobre a insalubridade 2008