terça-feira, 28 de julho de 2015

PREFEITURA DE NATAL VOLTA ATRÁS, PROPÕE 0% DE REAJUSTE E GREVE CONTINUA

A Prefeitura de Natal, na última reunião com SINDAS e SINSENAT ocorrida no dia 22/07, ficou de apresentar uma proposta de data base, tomando como base o reajuste de 7,7% parcelado, mais a mudança de nível vencida.
Na segunda reunião que seria para apresentação da proposta a Prefeitura voltou atrás e informou aos sindicatos que não apresentaria nenhuma proposta de reajuste, porque os estudos financeiros feitos pela SEMAD e SEMPLA apontaram a impossibilidade financeira do Município se comprometer com qualquer reajuste, por menor que seja.
Com a resposta da Prefeitura de Natal, voltamos à estaca zero e com zero de reajuste. Agora cabe aos servidores que ainda não aderiram ao movimento grevista, fazer uma séria reflexão e aderir imediatamente a greve, porque se não conseguirmos assegurar um reajuste salarial esse ano podem dar adeus no ano que vem, porque será ano de eleição e a gastança será das maiores.
Alertamos aos companheiros que não aderiram à greve, porque acham erroneamente que seus salários estão bons, que será questão de tempo para voltarmos a ganhar salário mínimo.   Além disso, alertamos categoria que os companheiros que estão se aposentando levam salário mínimo, salvos os casos de aposentadoria pior invalidez que leva apenas o salário atual. Ao se aposentar os agentes de saúde não levam VICT, Gratificação, auxilio alimentação e nem vale transporte.
Os agentes de saúde que não aderiram a luta, estão colaborando com colapso futuro na sua vida financeira, a maioria em troca de regalias como não ir pra área, passar o dia dentro das unidades e até não trabalhar. Mas atenção essas regalias são para os agentes não aderirem a greve e elas não pagarão suas contas no fim do mês.
Mesmo fragilizados e cansados, por culpa da maioria dos ACS, os guerreiros e guerreiras que estão na greve, decidiram na assembleia de hoje (28-07) manter a greve. Mas para que essa greve não acabe e todos percam é preciso que ela se fortaleça e mais agentes adiram ao movimento.
Os agentes precisam ter a dignidade de pelo menos lutar, e não usar desculpas esfarrapadas para não aderir à greve, em troca de vergonhosas regalias.

Além da aprovação da continuidade da greve, foi aprovado na assembleia que a partir de amanhã ninguém assina a lista de presença no dia seguinte. As listas só serão assinadas no termino de cada atividade grevista. Só fica na greve quem está disposto a lutar. Os que estão se aproveitando o movimento grevistas para outras finalidades é melhor que volte ao trabalho, porque de nada vai adiantar o servidor fazer de contas que estão em greve.


Nenhum comentário: