quinta-feira, 1 de maio de 2014

A VERDADE SOBRE ANTECIPAÇÃO DA VOTAÇÃO DO PISO NACIONAL DOS AGENTES DE SAÚDE


Na reunião com Deputado Henrique Eduardo Alves, ele se comprometeu com os agentes do Rio Grande do Norte, que votaria o piso nacional dia 13 de maio de 2014.
Nós do SINDAS sabendo de uma marcha dos prefeitos programada para 13/05, a qual foi programada estrategicamente para o mesmo dia da votação da regulamentação do nosso piso, demos conhecimento ao Dep. Henrique e solicitamos se era possível mudar a data da votação, prevista por ele para 13/05/2014.  O nosso principal argumento foi de que no ano passado os prefeitos fizeram o mesmo, pois numa marcha como essa convenceram os deputados e pressionaram o governo federal a não permitir a votação odo piso.
Em primeiro lugar ele pegou o celular e confirmou com alguém da Confederação Nacional dos Municípios se era verdade a marcha dos prefeitos, programada para 13 de maio, o que coincidiria com a votação do piso nacional dos agentes.
Confirmada a marcha e atendendo a nossa reivindicação o Presidente da Câmara disse: “vocês tem razão, essa votação no mesmo dia da marcha não vai dar certo, vou ganhar a inimizade de muitos prefeitos, mas em reconhecimento aos agentes de saúde, em especial do RN irei antecipar a data da votação para dia 7 ou 8 de maio”.
O Dep. Henrique ainda pediu para darmos conhecimento a Presidente da CONACS, Ruth Brilhante, mas que pedisse para manter segredo até a articulação dele com os líderes dos partidos, no sentido de confirmar se seria dia 07 ou 08 de maio a nova data da votação do piso.
Não precisava divulgar tão cedo a nova data, especialmente mencionar que foi estratégia do Presidente da Câmara, por causa da marcha dos prefeitos, pois nem nós que fomos os responsáveis por essa articulação divulgamos. Infelizmente a CONACS deu detalhes sobre uma articulação que não foram eles que fizeram, oportunizando portanto, que os prefeitos mudem a data da marcha, vez que uma passagem de avião para um prefeito é marcada no instalar de dedos.
Esperamos que tudo dê certo de acordo com o que combinamos com Dep.  Henrique, e que no dia da votação não haja estratégias do Governo Federal e nem dos Prefeitos que depois da vinculação da notícia da CONACS poderão antecipar a marcha.

MOMENTO QUE HENRIQUE DISSE" VOU ATENDER AO SEU PEDIDO PELOS AGENTES DE SAÚDE ANTECIPAREMOS A DATA E VOTAREMOS ESSA MERECIDA PAUTA"
MOMENTO QUE HENRIQUE CONFIRMOU A MARCHA DOS PREFEITOS PARA DIA 12,13 E 14 DE MAIO

Nenhum comentário: