quarta-feira, 27 de junho de 2012

O ITCI, QUE HOJE É CITADO NO ESCÂNDALO QUE ENVOLVE NATAL, TEVE AJUDA DO ATUAL PRESIDENTE DO SINDAS E DA CENTRAL SINDICAL - CTB

A terceirização da Dengue em Natal, por meio do Instituto de Tecnologia e Capacitação e Integração Social- ITCI, começou com discussão entre o Presidente do SINDAS José Salustino, em uma oficina e depois na sede do Sindicato dos Agentes de Saúde - SINDAS, quando ele convocou uma reunião para discutir o assunto. A reunião ocorreu com parte da direção e alguns representantes do ITCI, logo após Thiago Trindade qualificar o ITCI como Organização Social no âmbito do Município de Natal. Sabendo do que seria discutido na reunião fui contra e praticamente implorei a Salustino e Eraldo para deixarem as indiferenças de lado e cancelarem a reunião, o que de nada adiantou. 

Sendo contra ao que no meu ponto de vista seria um esquema para GOLPEAR O SUS, pedi para os demais componentes da direção não participassem da absurda reunião. Todos me atenderam o meu pedido e só Carlos Alexandre participou para saber o conteúdo da discussão, já que a mesma não seria cancelada pelo Presidente. Por pouco a conversa cheia de interesses não causou um mal maior aos munícipes e aos agentes de endemias.

No mesmo dia, logo após saber do conteúdo da reunião, liguei pessoalmente para vários representantes e os convidei a participar de uma reunião no Sindicato dos Vigilantes. Na reunião fizemos as denúncias contra a atitude de Salustino e todos concordaram com meu ponto de vista sobre o assunto. Havia mais de 20 agentes e todos presenciaram o Presidente do SINDAS dizer: TIVE UMA CONVERSA COM ALGUNS REPRESENTANTES DA ITCI EM UMA OFICINA E POR ISSO PUXEI A REUNIÃO DA DIREÇÃO PARA DISCUTIR O APOIO À TERCEIRIZAÇÃO”.
 
Entre os agentes que foram ouvir as denúncias, estava o atual Candidato da Chapa 2 Márcio Yvanncy, que diante do erro de Salustino e preocupado com escândalo que poderia envolver a entidade propôs: “JÁ QUE A MERDA TÁ FEITA SALUSTINO VAMOS PROCURAR A IMPRENSA PARA DIZER QUE SOMOS CONTRA”. A idéia foi brilhante e só serviu para encobrir mais um grave daquele que diz ter bagagem sindical. É um tipo bagagem que não desejo ter, pois além de ultrapassada envergonha àqueles que deveriam se orgulhar.  

Por eu ter vinculado uma nota na mídia sobre a PREMEDITAÇÃO DA EPIDEMIA PARA POSSIBILITAR A TERCEIRIZAÇÃO DO PROGRAMA DENGUE, fui intimado pelo Ministério Público a assinar uma nota minha que circulado em diversos meios de comunicação como: Blog de Kallyna Kelly, Blog de Eliana Lima, Blog de Laurita, No Jornal Tribuna do Norte e no Jornal No Minuto.com. Após ser intimado e assinar a nota, fui outra vez com alguns agentes para prestar esclarecimentos, mas depois que o Diretor do SINDAS Eraldo Alves orientou eles a me deixar no que para ele era uma “um barco furado”, os agentes se intimidaram, com exceção do Agente de Endemias Edson Bezerra.

 Infelizmente sabendo de tudo que aconteceu e tendo sido contra esse absurdo, hoje Márcio está aliado com Salustino e companhia e sem nenhuma cerimônia, vem me atacando e prometendo o que eles sabem que é impossível para os agentes temporários, como é o caso da falsa promessa de efetiva-los. Além de tudo isso, em uma mesa de negociação o ex-secretário de saúde Thiago Trindade, ele confessou para todos nós da direção e para Marcio que mandou representantes do ITCI procurar Salustino e o Presidente do Sindicato dos Rodoviários, pois segundo ele, discutindo-se a terceirização do Dengue com os representantes dos trabalhadores que seriam envolvidos na mão de obra do ITCI, ficaria mais fácil. Realmente Thiago Trindade tinha razão, pois arquitetou um golpe bem dado nas instituições sindicais, que quase deu certo, se não fosse por mim, pelo restante da direção, e pelos bravos representantes agentes que tiveram pulso firme e não admitiram a pouca vergonha que denunciamos ao Ministério Público.

Mesmo com a conivência do Presidente José Salustino e do Dir. Eraldo Alves, a maioria da direção que sempre prezou pelo que é certo, não aceitou a discussão da terceirização, mas já era tarde de mais, pois a contratação já estava em andamento, inclusive muito bem articulada com Sindicato dos Rodoviários que indicou a mão de obra para as vagas de motoristas e com a Central Sindical dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil-CTB, onde se deu as contratações de 90% dos agentes de endemias temporários e de 100% dos motoristas. 

Um detalhe bastante interessante é que a CTB, que tem como Presidente Moacir Soares - pré-candidato a vereador de Natal em 2012 apoia José Salustino e Marcio Yvanncyr nas eleições do SINDAS. Por causa disso, podemos concluir que na hora de defender seus próprios interesses não importa quem fez algo errado.

 Atualmente ao acompanhar na imprensa esse grandioso escândalo que é a Operação Assepsia, no qual está envolvido o ex-secretário de saúde Thiago Trindade, acusado entre outras coisas de fraudar licitações, de contratar irregularmente organizações sociais, como foi o caso do ITC, eu lhes pergunto: O que teria sido de nós e do SINDAS se tivéssemos sido coniventes com essa pouca vergonha? Será que alguém teria recebido uma gorda recompen$a pelo apoio? A resposta é uma só: “HOJE O SINDAS ESTARIA ENVOLVIDO NESSE ESCÂNDALO E OS ACE ANTIGOS SEM AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO”.

Esse é só uma pequena lembrança do passado que hoje é presente e nos faz refletir sobre quem de fato defende a categoria ou visa seus próprios interesses! 
REFLITA, INFORME-SE E NÃO COMETA ERROS QUE LHE PREJUDIQUE.

OPERAÇÃO ASSEPSIA
VEJA A CARA DOS QUE SE INCOMODAM COM MINHAS COLOCAÇÕES E OS QUE SE CONVENCEM PARA ANULAR LOGO EM SEGUIDA O CONTRATO DO ITCI



Nenhum comentário: