terça-feira, 8 de outubro de 2013

PREFEITURA OFERECE 8% DE REAJUSTE PARA JANEIRO DE 2014 E SERVIDORES REJEITAM PROPOSTA

PARA ABRIR O ARQUIVO ABAIXO MAIS VISÍVEL, CLIQUE COM MOUSE DIREITO, ABRA EM NOVA GUIA E AMPLIE.
Na manhã de hoje, os servidores da saúde se reuniram em frente à Sede do SINSENAT para deliberarem sobre a aceitação da proposta de reajuste oferecida pelo Prefeito Carlos Eduardo.
                   A assembleia foi conjunta entre SINDAS e o SINSENAT, e contou com a participação de servidores de várias secretarias, além de muitos agentes de saúde.
                                                  Após votar a proposta, os servidores a rejeitaram por unanimidade, e definiram que, na próxima terça feira poderão entrar em greve, caso a Prefeitura não apresente uma proposta aceitável.
                    Para entrarmos pra valer no movimento, precisamos sentir a firmeza da categoria dos agentes de saúde, o que diga-se de passagem, não foi percebida na assembleia.
                  Percebemos que os que compareceram não estão dispostos a lutar, pois o que parece, perdeu R$ 10,00 de auxílio alimentação e receber só R$ 80,00 de reajuste é mais importante do que lutar por um salário previsto no plano de cargos.

ATENÇÃO

“NÃO SEREMOS TOLOS DE DECRETAR UMA GREVE COM 200 AGENTES, OU A MAIORIA DAR A CARA A TAPA PRA LUTAR JUNTOS, OU FICARÁ SEM REAJUSTE DIGNO E DEPOIS NÃO RECLAME”

PELA PROPOSTA DA PREFEITURA VEJA COMI FICARA OS SALÁRIOS DOS AGENTES EM 2014:
                                         
QUEM GANHA R$ 900,00 FICARÁ COM R$ 972,00
QUEM GANHA R$ 920,00 FICARÁ COM R$ 993,00
QUEM GANHA R$ 941,00 FICARÁ COM R$ 1.016,00



Nenhum comentário: