quarta-feira, 24 de agosto de 2011

JUSTIÇA HIPÓCRITA

Brasil Dignidade
Justiça hipócrita
O "mensalão" é um inequívoco registro histórico do legado de Luiz Inácio Lula da Silva, e como bem colocou o procurador Roberto Gurgel: "um atentado sem iguais precedentes à democracia brasileira". O governo Lula da Silva alienou os incautos em orquestradas campanhas de contrainformações; revendeu a uma classe social ascendente o consumismo desvairado através da oferta de crédito de forma desatinada e que agora se afoga em dívidas; assim, de fato enriqueceu os rentistas e especuladores. Legou a quem o sucedesse uma herança espúria expressa numa horda de desregrados travestidos de políticos - seus bons "cumpanheiros", nas facções aliadas e que dia após dia enxovalham as manchetes pela revelação de atos lesivos ao erário público. Não há novidades, a estirpe de impudicos é mesma desde 2003, e o que se altera e consolida é a constatação do desastre que foi seu desgoverno ao Brasil. O que fica claro neste momento é que o “cara” ainda dá as cartas. Predisse  que o mensalão está engavetado é seria julgado em 2020, sua influência no STF já garante a prescrição pela acusação de formação de quadrilha para 36 marginais, no próximo dia 27. Há tanta hipocrisia no exercício da Justiça no Brasil, que fico imaginando se não está na hora de adotar uma cadeira especifica nas faculdades de direito que obste o continuísmo dessa praga que em crime é maior que a própria dilapidação do erário e dos direitos da nação.
                                    Oswaldo Colombo Filho
                                 O Estado de S.Paulo 23/08/2011

         Brasil Dignidade

Nenhum comentário: