terça-feira, 2 de junho de 2015

SECRETÁRIO DE SAÚDE DE NATAL RECEBE O SINDAS, MAS NÃO TEM MUITAS RESPOSTAS PARA EVITAR NOVA GREVE.

IMAGENS: Sérgio Verton
Os agentes de saúde de Natal, aprovaram em assembleia que no dia 18 de junho de 2015, entram em greve novamente. Apostávamos no resultado da reunião com Secretário de Saúde de Natal, ocorrida dia 29 de maio, mas dos três pontos específicos que foram discutidos, o Secretário sinalizou positivamente em relação ao reajuste do auxílio alimentação para R$ 15,00, mas sem estabelecer data.
O Secretário informou que o estudo financeiro foi positivo, mas que precisaria ver como se dará os tramites para reajustar o auxílio alimentação. Informamos ao Secretário que basta mandar um projeto de lei para câmara emendando a Lei do Auxílio dos agentes, o que o SINDAS fará a minuta de projeto de lei para dar celeridade e, quem sabe, tornar possível o envio para câmara ainda esse mês.
 Quanto ao reajuste da Gratificação o Secretário descartou qualquer reajuste, mas se comprometeu discutir um percentual de reajuste para incluir no orçamento de 2016.
Sobre o PMAQ, o Secretário repassou que o projeto de lei proposto pelo SINDAS foi alterado pela Gestão e será apresentado aos Sindicatos. Que isso se faz necessário, porque mesmo tendo sido o SINDAS que proposta a criação desse incentivo, todos os servidores das equipes contempladas com PMAQ serão beneficiadas, inclusive servidores não representados pelo SINDAS.
Sobre o fardamento informamos que a licitação já foi finalizada e a empresa ganhadora fará a entrega do fardamento em 30 dias. Esse assunto estamos acompanhando de perto, inclusive uma comissão de ACS e ACE verificou as amostras dos fardamentos, para verificar a qualidade é o que foi solicitado pela categoria e pelo SINDAS.

Quanto a mudança de nível e reajuste da data base, nada foi discutido, porque essa pauta depende do Prefeito que já disse que só abre a mesa para negociar quando o projeto de cobrança da dívida ativa for aprovado pela câmara de vereadores.

Nenhum comentário: