sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

PREFEITURA DE SÃO GONÇALO DO AMARANTE IRÁ PAGAR PISO DOS AGENTES

No ano passado nos reunimos com Prefeito Jaime Calado, para apresentar o SINDAS e reivindicar alguns pontos de pauta de interesse dos ACE e ACS.
Uma das principais reivindicações da categoria é a implantação do piso salarial de R$ 1.014,00, cuja discussão entre SINDAS e Prefeitura ocorre desde o ano passado.
Só agora em 2015 o projeto que estabelece o piso dos agentes será votado na Câmara Municipal de Vereadores de São Gonçalo, garantindo-se o retroativo.
Na tarde desta sexta feira nos reunimos com ACS representantes de várias unidades de saúde e alguns agentes de endemias, para passar a boa notícia sobre o piso e convocá-los para acompanhar a leitura e votação do projeto de lei do piso junto com o SINDAS.
Na reunião com os ACE e ACS tratamos de vários assuntos relacionados a categoria, especialmente sobre as filiações ao SINDAS, já que eles estão saindo do SINDSAÚDE que não pode representá-los.
A reunião contou com a presença de pouco mais de 30 agentes, porque segundo eles, a maioria dos agentes está decepcionada com o ex-sindicato e são desunidos na hora de lutar.
Após a apresentação do SINDAS e feitos os devidos esclarecimentos as dúvidas, todos os presentes se filiaram e garantiram que irão filiar os colegas e trazer todos para próxima reunião que será marcada em breve.
Deixamos claro aos agentes que só iremos atuar a contento em São Gonçalo dependendo do interesse dos próprios agentes, ou seja, se a maioria filiar daremos a mesma atenção dadas aos demais municípios filiados, do contrário, ficarão sempre em segundo plano.
Dissemos a todos que compreendemos a desconfiança o e o descrédito em sindicato por culpa do sindicato que antecedeu o SINDAS, mas deixamos claro, que o SINDAS é só dos agentes e, se eles não investirem e confiarem, vai ficar difícil pra eles, porque não tem quem lute pela categoria dos ACE e ACS a não ser o SINDAS/RN.
No nosso ponto de vista, o mais difícil em SG não será filiar 100% dos agentes, será unir a categoria para possíveis lutas pelos seus direitos e fazer com que voltem a confiar em sindicato.
 Fomos taxativos ao dizer que dessa vez quem estará à frente das lutas é o verdadeiro sindicato da categoria, que não tem atrelamento político partidário e nem usa a categoria para fazer politicagem e nem para carregar bandeira de partido político.

REUNIÃO COM PREFEITO EM 2014

Nenhum comentário: