quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

APÓS AMEAÇA DE GREVE O PREFEITO DE SÃO MIGUEL RESOLVEU PAGAR O PISO SALARIAL DOS AGENTES DE ENDEMIAS.

Mesmo tendo se passado mais de um ano da entrada em vigor da Lei 12.994/2014, que garante um piso salarial para agentes comunitários e de endemias, no valor de R$ 1.014,00, repassado pelo Ministério da Saúde, o Prefeito de São Miguel do Oeste se recusava pagar o piso aos ACS.
O SINDAS/RN inicialmente ingressou com uma ação de obrigação de fazer, mas como a justiça é muito lenta na hora de deferir pedidos relacionados a direitos dos servidores, resolvemos convocar uma greve.

A greve dos ACS tinha sido aprovada para ser iniciar dia 01/12, mas o Prefeito chamou para o diálogo antes da deflagração da greve. Em reunião com a secretária de Saúde, Maria Shimeny Emídio Vieira, e o prefeito Dario Vieira de Almeida, o Sindicato dos Agentes de Saúde (SINDAS) e os Agentes de Endemias, entraram em acordo com a Administração Municipal. A implementação do piso salarial no valor de R$ 1.014,00 ocorrerá nos vencimentos de dezembro.
Essa é mais uma prova que o SINDAS sempre está disposto a dialogar e evitar greve, mas isso só é possível quando o gestor tem a dignidade de negociar.
Diferente do que ocorre na Capital, o Prefeito de São Miguel teve a decência de esgotar o diálogo e evitar a greve, pois reconhece que os maiores prejudicas seriam os munícipes. 

VEJA A CONVOCAÇÃO ODA GREVE NO LINK ABAIXO
http://www.cosmomariz.com/2015/11/sindas-convoca-agentes-de-endemias-de.html

Nenhum comentário: