sexta-feira, 3 de maio de 2013

EM BREVE PARNAMIRIM PAGARA R$ 950,00 AOS AGENTES


Em assembleia no último dia 12 de abril, os agentes de saúde de Parnamirim, votaram e aprovaram em assembleia, uma minuta de reivindicações composta por uma pauta bastante enxuta e objetiva:

1º- Criação do piso salarial municipal com base nos valores da portaria ministerial 260/2013;
2º- Mudança do auxílio alimentação de ticket para dinheiro; e
3º- fardamento e melhoria nas condições de trabalho. 

Como as negociações sobre essas e outras pautas já vinham sendo discutidas com a municipalidade a mais de seis meses, a categoria aprovou  um prazo de quinze dias, a contar do dia da assembleia, para que o município desse respostas.
Nesta quinta feira (02/05), tivemos uma reunião parcial com o Secretário de Saúde do Município, Sr. Marcio Cezar. Na ocasião o Secretário alegou  que o prazo dado pelo SINDAS não foi suficiente para que a SESAD apresentasse as respostas a pauta, pois ainda não tinha sido possível a apreciação do chefe Executivo.
O Secretário solicitou mais alguns dias, pois precisaria de um novo prazo, pelo menos até o dia 09 de maio. O Secretário indagou que não haveria sequer necessidade de votar indicativo de greve, uma vez que tem interesse de discutir e dar resposta a categoria. Diante da solicitação do Secretário, nos comprometemos em esperar alguns dias, só assim, estará configurado esgotamento das negociações, caso nosso pleito não seja atendido até o dia 09/05/2013.
  Esperamos que a nossa pauta seja atendida, pois os agentes não tem a intenção de prejudicar o atendimento à população, mas se for preciso, e não havendo avanços nas negociações, infelizmente teremos uma GREVE!


AVANÇOS MAIS RECENTES RECENTES

Na manhã dessa sesta feira(03/05), O Presidente do SINDAS, foi informado pelo Procurador do Município, que durante a manhã, em reunião com Prefeito, as solicitações do SINDAS foram pautadas. Segundo Dr. Fábio Daniel, o Prefeito Maurício Marques deu sinal verde ao Secretário de Saúde para atender as nossas solicitações, pois segundo o Prefeito os agentes de saúde e o SINDAS são coerentes e merecem atenção especial.
Já na Próxima semana, estaremos protocolando uma minuta de projeto de lei, estabelecendo que o salário base da categoria será R$ 950, 00 e que fica desde já o executivo autorizado converter em remuneração, todos os reajustes das portarias subsequentes a portaria 260/2013. O teor do PL que enviaremos já foi previamente discutido com Sr. Procurador do Município, que de antemão solicitou ao Presidente do SINDAS que fizesse uma minuta de projeto enxuta para não ser necessária nenhuma alteração por parte da PGM.
“Estamos confiantes e temos plena convicção, que o nosso PL será aprovado em breve. Faremos de tudo para o reajuste ser implantado já nos vencimentos de maio.”

Nenhum comentário: