terça-feira, 19 de agosto de 2014

AGENTES DE NÍSIA FLORESTA-RN PODERÃO ENTRAR EM GREVE

O SINDAS/RN compareceu na manhã de hoje no Município de Nísia Floresta, para uma reunião com todos os agentes comunitários e de endemias. Os agentes nos esperavam com um farto café da manhã, para só em seguida discutir os pontos objetos da reunião.    
Os agentes comunitários de saúde e agentes de endemias de Nísia Floresta poderão deflagrar greve nas próximas semanas. Os motivos que pode originar a greve são os mais diversos:
A-          Falta de condições de trabalho;
B-           Falta de fardamento completo (calçados, calças, camisetas e chapéu de aba larga) para ACE e ACS;
C-   Falta de material de trabalho e Equipamento de Proteção Individual;
D-   Falta de bloqueador solar e labial na periodicidade necessária;
E-   Não realização de exames de saúde (de sangue para os ACE e dermatológico para os ACS);
F-   Não cumprimento do Piso Nacional de acordo com a Lei Federal nº 12.994/2014;
G-   Não pagamento da gratificação do PMAQ;
H-   Falta de ajuda de custo para o deslocamento dentro da área de trabalho.

Há bastante tempo vimos tentando resolver os problemas em Nísia, mas como a Prefeita sequer aparece na cidade - salvo nos eventos festivos - os secretários mandam e desmandam na Cidade e só prejudicam os servidores.
Diante do total descaso, falta de compromisso com a cidade e ausência de diálogo com os agentes de saúde e o SINDAS, não nos restou outra saída a não ser tirar um indicativo de greve.
Uma vez aprovado o indicativo de greve, cujo edital de convocação será publicado amanhã na Tribuna do Norte, os agentes daremos um prazo de 72h ao Município, após esse prazo a categoria reunir-se-á novamente para votar a deflagração da greve por tempo indeterminado.

Esperamos que dentro do prazo que daremos sejam feitas as negociações que evitem a paralisação da categoria, por que a greve coincidirá com a atualização do Programa Bolsa Família, o que depende de todos os agentes de saúde.

Nenhum comentário: